quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

AERUS VARIG. Coluna de Claudio Humberto. Hoje dia 12 de Janeiro de 2011


12/01/2011 | 11:22


Aerus Varig


É, caro e prezado CH, aqui estou eu de volta para mais uma vez escrever sobre o nosso grave problema que até o presente momento não é resolvido e não aparenta solução. Hoje, dia 12 de janeiro de 2011, faz 4 anos e 9 meses que o grave problema Aerus Varig está sem solução. Enquanto isto vamos perdendo vidas que partem sem verem o problema resolvido. Dia 12 de abril de 2011 fará 5 anos desta Tragédia Silenciosa que se abateu sobre os trabalhadores da Varig. Até quando ficaremos sem solução para este problema? Será um problema que vai se perdurar eternamente? Será que nunca vamos ver a solução para o mesmo? Será que vamos ficar esquecido e jogados na rua da amargura para sempre? Difícil prever o que vai acontecer conosco. Aliás o que está acontecendo conosco é uma tremenda injustiça. E dizer que o governo que saiu diz que fez um governo da Justiça Social....Seria cômico senão fosse trágico. Brasileiros vivendo na miséria por causa de um governo ( que saiu recentemente ) que nos relegou e nos levou a bancarrota. Uma Injustiça tremenda... Um verdadeiro massacre cometido contra trabalhadores brasileiros.
José Paulo de Resende. 
Niterói - RJ

2 comentários:

  1. Prezado,Paulo Resende nós chegaremos perto de se fazer justiça um dia para com todos os ex trabalhadores da varig,a justiça tarda mais não falha.Se Deus quiser,alias ele quer essa justiça será feita para com os trabalhadoes da varig,apesar do tempo que já se tem que são 48 meses,mais a justiça a de vir e dar um conforto a todos nós e devolver nossa dignidade.

    Abraços
    Luiz Almeida
    Aposentado da Varig/Aerus

    ResponderExcluir
  2. Prezado,Paulo Resende, é muito triste ver nossos entes queridos, irem embora, sem terem resolvido este problema.
    Meu marido trabalhou uma vida inteira isto é vestiu a camisa da Varig, sempre com o pensamento de uma aposentadoria tranquila, sabe o que aconteceu, veio a falecer no dia 05/02/2009 e até hoje eu esposa não recebi um centavo. Isso é injusto. Não perco as esperanças que tudo será resolvido.
    Adilsa Paixão.
    16 de fevereiro de 2011.
    Esperança.

    ResponderExcluir