terça-feira, 29 de junho de 2010

Carta da Aposentada Varig Geni para o Programa CQC da Rede Bandeirante de Televisão

À Rede Bandeirantes de Televisão

Produção do Programa CQC

Prezados senhores


Cumprimentando os quero parabenizá-los pelas excelentes atuações nos vários segmentos da sociedade brasileira com vosso programa CQC, ao mesmo tempo que peço vossa atenção para um grave problema que estamos atravessando, quero frisar não só meu caso pessoal, como e, principalmente, do nosso grupo de trabalhadores, aposentados e pensionistas da VARIG, espoliados dos direitos de receber suas rescisões trabalhistas, pensões e aposentadorias.

Como cidadã, protestar contra o estilhaçamento da principal cia aérea do país, a nossa VARIG. Fazer um veemente protesto contra a entrega dos aviões da nossa Varig a cias de outras bandeiras, a entrega das instalações de nossa cia no RS para cia estrangeira TAP e a entrega dos céus do Brasil e das nossas linhas aéreas aos estrangeiros.
Não podemos aceitar que tudo isso passe em brancas nuvens , que os governos façam tantos absurdos e fique como está, trabalhadores demitidos sem receber suas indenizações, aposentados em idade avançada sem receber suas aposentadorias, sendo humiliados sem dinheiro até para compra de alimentos e remédios, quando trabalharam uma vida inteira para garantir uma velhice tranquila.

A justiça, se é que isso se pode chamar de justiça, continua prorrogando, mesmo depois de ter dado a sentença na mais alta esfera do judiciário a ação que tramita nos tribunais, na qual temos esperanças de receber, continua sendo prorrogada através de recursos intermináveis, atualmente, nas mãos do STF com a ministra Carmem Lúcia, como se as pessoas não precisassem mais viver, como se as pessoas pudessem abrir um espaço sem ter de se alimentar, sem ter de morar, sem ter de simplesmente viver, enquanto esperam as intermináveis prorrogações desta ação que se encontra no STF com o RE 571 969.

Estivemos no escritório do advogado Arnold Wald Filho, titular da ação, que nos informou que todas as medidas judiciais cabíveis foram tomadas, sem ter uma solução.
Fomos à defensoria pública da UNIÃO pedir ajuda e depois de muita tramitação nas esferas estaduais e divisões federais dos estados, conseguimos enviar para a DPU do distrito federal e está nas mãos dos defensores públicos federais que tratam junto ao STF com uma possivel uma audiência para agosto.
Pedimos a este programa atenção para o caso e sugerimos que convoquemos uma assembléia geral da nossa comunidade com a presença deste programa para fazermos nossa manifestação. Temos a disposição vasta matéria sobre o caso que poderá servir de base para um excelente programa.
A copa de 2014 está ai, quanto prejuizo ao país, com o transporte aéreo estilhaçado, um boeing não se compra de um dia para o outro. Não se refaz uma cia aérea com curto espaço de tempo. Quanto prejuizo a nossa nação, não temos mais linhas para o Japão, para Los Angeles e várias outras linhas internacionais que só a nossa VARIG tinha condições para operar. Não é apenas uma questão dos seus trabalhadores aposentados e pensionistas, mas uma questão nacional, de segurança do nosso transporte aéreo(aproximadamente 1000 comandantes altamente qualificados foram para o exterior), é uma questão econômica, é uma questão de segurança e soberania nacional.

Quero continuar acreditando neste programa, por isso espero que esta manifestação seja ouvida e que possamos, através da BAND e do CQC, fazer com que nosso protesto invada os céus deste país.

No aguardo de breve manifestação de vossa produção, renovamos nossos protestos de elevada estima e consideração.

Geni de Cezere Reschke
Pensionista do aerus-VARIG

Um comentário:

  1. Quero registrar aqui minha decepcao com o programa CQC, ate hoje sequer acusaram recebimento do meu e mail Um assunto tao serio e que fazem de conta que nao ouviram, nao viram , nao sabem. Esse caso deveria estar nos roteiros prioritarios de programas que realmente tivessem a seriedade, a missao de defender sua sociedade e trazer em pauta assuntos tao serios como esse, custe o que custar. Ao contrario , um caso de extrema importancia que deveria invadir os ceus desse pa'is
    clamando por justica, infelizmente sao substituidos por assuntos banais de nenhuma importancia midi'atica.
    Simplesmente uma decepcao.

    ResponderExcluir